terça-feira, 30 de setembro de 2014

Office Day



Mais um dia de trabalho. Estou no escritório. Como habitualmente, visto-me  de uma forma clássica mas com um qb de sexy. Nem que seja apenas a roupa interior. Preciso de sentir o toque de algo mais sofisticado. Foi uma manhã tremenda, cheia de trabalho chato. Preciso de te ver e de sentir os teus beijos revigorantes. Ligo para o tlm para saber o que vais fazer à hora do almoço mas a chamada vai para o voicemail. Fico triste. Entretanto a minha colega vem à porta avisar-me que vai almoçar e fico sozinha no escritório. Sento-me, recosto-me na cadeira e olho para a tua foto. Imagino-te com as mãos em mim e começo a ficar “animada”. Como estou sozinha, ponho uma perna em cima da mesa e começo a tocar-me suavemente enquanto sonho contigo.

Sou surpreendida pela porta a abrir. És tu !!! O dono do meu coração veio fazer-me uma surpresa. Estou estupefacta mas tão contente. Olhas para mim com um sorriso malandro. Eu apresso-me a explicar que a tua foto é um turn-on e que por isso não me consegui conter. Sem hesitares, fechas a porta e aproximas-te de mim. Agarras-me com força e dás-me beijos. Eu sucumbo a todos os teus desejos e agora ainda estou mais excitada à medida que a tua mão me aperta o pescoço e me beijas suavemente. Depois agarras-me os ombros e empurras-me para baixo. Fico de joelhos mesmo à tua frente. “Já que estou aqui, agora vais fazer o que eu quiser” dizes. Desabotoou-te as calças e adoro a visão que se me apresenta. Começo lentamente com a língua à volta só da cabeça, depois engulo como sei que gostas. Começas a ficar realmente excitado e agarras-me pelos cabelos, forçando-me a engolir ainda mais. Fodes-me a boca com prazer. Primeiro devagar, depois mais depressa e mais fundo. Olho sempre para ti. Adoro ver o teu prazer, adoro ver quando atiras a cabeça para trás e reviras os olhos…. De repente, afastas-te de mim. Puxas-me para cima e voltas-me de forma a ficar dobrada em cima da secretária, de costas para ti e com a saia levantada. Arrancas-me as calcinhas num movimento rápido. “Sabes como gosto, abre-te toda para mim” Ponho as mãos nas nádegas e afasto-as o mais possível. Quero que tenhas a melhor vista. O teu sexo está molhado e brilhante e sinto-te entrar dentro de mim. Mandas-me ficar em silencio. Eu sei o que isso significa… Inicialmente dói um pouco mas rapidamente me estou a esforçar por não gemer de prazer. Mordo 2 dedos enquanto a minha secretária abana por tudo quanto é lado devido à tuas poderosas investidas. O orgasmo está próximo. Ajeito-me o melhor possível para que possas desfrutar de mim e vens-te com um jacto quente e longo. A sensação é maravilhosa, como sempre. Enches-me completamente!
Afastas-te um pouco e viras-me  para ti. Gentilmente e enquanto me beijas como só tu sabes, avisas  ”Não te limpes. Quero que passes o resto do dia assim. Logo, quando chegares a casa, vou verificar”.  Vestes-te e deixas-me assim meia nua e a escorrer. Componho-me mas sem me limpar. Durante o resto do dia, conforme me mexo, sinto o teu liquido a escorrer pelas coxas e o teu cheiro impregnado em mim. Sabe tão bem!!!
You made may day, Daddy!! Sem qualquer dúvida, independentemente da minha posição social e profissional, deixaste muito claro que o meu papel principal é ser o teu brinquedo e “tratar” de todas as necessidades do Daddy



2 comentários:

  1. Excelente como sempre,cheio de sensualidade e de prazer ;)

    Beijo amiga ;)

    ResponderEliminar
  2. Amei cada palavra, exprime tanta sensualidade
    Onde já vivi este momento
    Delicioso

    ResponderEliminar