sexta-feira, 19 de julho de 2013

Ter, deixar de Ter, voltar a Ter e deixar de Ter outra vez....





Enquanto fui criança e adolescente sempre tive. Ás vezes até era demais. Mal me deixavam respirar… Muito jovem ainda deixei de ter por opção minha. E assim habituei-me a viver sem ter. Sempre assim vivi até a uma certa altura em que encontrei alguém. Esse alguém fez-me acreditar que podia voltar a ter, a sentir. Garantiu que era isso que queria, que era com essa postura que se sentia bem. Eu já estava demasiado habituada a não ter. Mas, no fundo, no fundo, até sentia falta. E acreditei. Acreditei piamente. Fui tola, ingénua, crédula, etc., etc. E continuei a acreditar. Enquanto tive, fui muito mais feliz do que já era antes. Foi um mais na minha vida. Sentia-me ainda mais segura de mim, sentia-me confiante e poderosa. Era excelente. Era como se voltasse a ser a criança e tivesse voltado a ter aquilo que tinha deixado para trás. Sim, eu sei que na altura me sufocava, mas agora era diferente. Não me tirava o ar, muito pelo contrário. Fazia-me sentir ainda mais segura. Esse alguém dava-me algo que eu não procurei mas que estava a gostar de ter. Esse alguém prometeu, jurou e desvelou-se em cuidados e carinhos.

Passado um tempo comecei a sentir que se calhar já não tinha completamente. Mas eu tinha tanta vontade de acreditar que ainda tinha, que me recusava a ver o que já era evidente. Claro está que chegou o dia em que me virei ao contrário, fiz uma revolução, provoquei uma tempestade e... deixei de ter…. oh merda, e agora? Já me tinha habituado a ter e de repente fiquei sem… Não se sente a falta do que nunca se teve. Mas se se teve e depois se deixa de ter, como é que se faz para voltar a ser feliz sem ter? Ora aí está a grande dúvida. Eu ainda ando meia perdida mas sei que vou voltar a ser feliz mesmo sem ter. Se durante tantos anos vivi e fui feliz sem ter…

Isto faz algum sentido? Provavelmente não, mas é assim sem ter ...

:::::::::::: ************ ::::::::::::::::::: ****************** :::::::::

Dia 21 de Julho. Sim . Alterei a imagem do texto :)) Esta é mais apropriada. !!!! Fui



4 comentários:

  1. Percebo-te perfeitamente!
    Quando como um brigadeira tou todo contente porque o tou a comer, qd acabo fico triste porque acabou e já não o tenho.

    Eu podia deixar de comer brigadeiros assim deixava de ter a tristeza de deixar de o ter... passava a ter a tristeza da falta constante de algo.

    A vida é mesmo assim, há dias bons e dias maus, e dias mais ou menos.

    Melhor ir tendo e não tendo do que nunca ter.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, não digo
      Eu sei que me compreendes :)))
      A vida continua e felizmente consegue sempre surpreender-nos!
      Bjs.

      Eliminar
  2. Não ha formula magica,para voltar a ser feliz(infelizmente),mas r
    tal como dizes o importante é acreditar que voltaras a ser e isso de certeza que sera o inicio da formula que todos procuramos.

    bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gandalf. Também não sei a formula, nem sei se gostaria de saber...... Eu acredito que a vida é bela mas, às vezes, não faz sentido nenhum!
      Obrigada por me leres! :)) Bjs

      Eliminar